Atenção - Golpe do bilhete premiado em Guaratuba!

Os idosos são os principais alvos desse tipo de golpe

Por Redação 14/09/2017 - 08:57 hs

No início da tarde desta quarta-feira (13), um grupo de 4 pessoas, sendo 3 mulheres e um homem, no bairro Figueira, próximo a avenida Paraná, tentaram dar o velho e manjado golpe do bilhete premiado em uma senhora que havia saído de casa, rumo ao centro.

Duas mulheres, de  maneira simples, vestidos longos, abordaram a senhora e indagaram onde ficava a agencia da Caixa Econômica Federal, dizendo que estavam com um bilhete de loteria, premiado no valor de 5 mil reais e queriam troca-lo, mas residiam na área rural e não sabiam onde era a agencia.

Enquanto conversavam, um veículo cinza e grande, cuja marca e placas a senhora  não conseguiu ver, encostou na entrada de uma residência ao lado e as duas mulheres disseram que iriam pedir informações  a motorista do carro. Esta, desceu do veículo, não abriu o portão, (a casa está fechada pois é de veranistas) e foi ao encontro das mulheres e da senhora.

A mulher do carro olhou o bilhete e disse que o valor do premio não era de 5, mas de 2 milhões de reais. A motorista ligou para um número, que dizia ser da agencia da Caixa Econômica Federal de Guaratuba, colocou o celular no viva voz e conversou com um homem que dizia ser o “gerente”. Este informou que era preciso ter conta na Agencia para retirar o premio. As duas mulheres disseram não ter conta naquela agencia e a motorista do carro disse ter. Foi quando as duas mulheres ofereceram 50 mil reais para a senhora idosa e 50 mil para a mulher do carro, para que as acompanhassem a agencia da caixa, para retirar o premio.

Já desconfiada, a idosa alegou estar com pressa pois tinha consulta médica e rapidamente se afastou. Um vizinho que chegava de carro nesta hora, viu quando as três mulheres entraram no veículo e na esquina mais um homem entrou, possivelmente o que se passou por “gerente do banco”   evadindo-se rapidamente do local.

Ou seja, as duas mulheres “simples”, a mulher motorista do carro, vestida de maneira sofisticada e o homem com quem falaram ao celular como se fosse gerente da caixa, fazem parte de uma quadrilha que aplica o velho e manjado golpe do bilhete premiado.

 

Os idosos são os principais alvos desse tipo de golpe, portanto, devem ser avisados e ter cuidado redobrado quando abordados por estranhos, mesmo que pareçam inofensivos e honestos.